Cave Colinas de Pedra

Um dia eu espero que meu trabalho me permita viajar com muito mais frequência do que hoje. Enquanto esse dia não chega, faço o que posso para dar pequenas escapadas da rotina. E sabe como eu chamo meus passeios e viagenzinhas curtas, de um ou dois dias? Mini-férias! Especialmente se for para conhecer um lugar novo e lindo, como meu marido e eu fizemos no domingo, dia 19/04.

Em minhas constantes buscas por atrações próximas de casa, descobri a Cave Colinas de Pedra, inaugurada há pouco mais de dois meses, em Piraquara-PR, a apenas 30 km de Curitiba. Imagine um túnel de trem construído no Brasil Império (por onde passava a Maria Fumaça), transformado por um empresário visionário numa cave para maturar espumantes. Imagine, agora, uma estação de trem desativada, totalmente restaurada e transformada num restaurante, onde os pratos são elaborados cuidadosamente para harmonizar com os espumantes. Imagine, por fim, que tudo isso está localizado no meio da Mata Atlântica, na Terra dos Mananciais e Nascentes do Rio Iguaçu, Patrimônio Natural Tombado em 1986 pelo Governo do Estado do Paraná. Imaginou?

EstaçãoVista da estação

A realização desse projeto é resultado do empenho do fundador, Ari Portugal, para transformar um sonho em realidade. Em 1999, ele adquiriu uma área de 45 hectares, nos fundos da Estação Ferroviária de Roça Nova. Seu objetivo, então, era construir uma pousada ecológica. Desde então, o Sr. Ari começou a cuidar da manutenção estação ferroviária, ainda que não fizesse parte de sua propriedade, a fim de evitar a destruição pela ação do tempo e de vândalos. No ano seguinte, a extinta Rede Ferroviária Federal S.A – RFFSA colocou à venda, em leilão público, a estação, o túnel ferroviário desativado, localizado a 140 metros da estação, e uma litorina sucateada. Todos foram arrematados com a intenção de integrar o projeto da pousada.

Quando alguém sugeriu ao Sr. Ari que o túnel poderia ser uma cave de maturação de espumantes, ele poderia ter descartado a ideia – afinal, ele não tinha qualquer experiência na área. Em vez disso, ele começou a estudar os meios para viabilizar o projeto. O túnel foi fechado nas duas entradas e, por dois anos consecutivos, foram realizados testes diários de temperatura e umidade, além de contatos e pesquisas com profissionais do vinho.

Interior do túnel.

Estrutura em policarbonato que abriga o maquinário, é uma homenagem às estações-tubo de Curitiba.Espumante brut rosé

Ao final do período, constatou-se que a temperatura interna variava apenas 1°C ao longo de todo o ano, 16°C no inverno e no máximo 17°C no verão. Em poucas palavras, o sonho de todo produtor de vinhos espumantes! O túnel, construído em 1883, conta com 429 metros de extensão, 5 metros de altura e 3,5 metros de largura. A capacidade de armazenamento atual é de 50.000 garrafas, porém existe uma cave reserva, podendo elevar esse número a 500.000 garrafas.

O Sr. Ari firmou uma parceria com a tradicional vinícola Cave Geisse, do Rio Grande do Sul, responsável pela primeira fase de elaboração do espumante. A Cave Colinas de Pedra faz a guarda, maturação e processos finais do vinho espumante, pelo método de elaboração Champenoise, que compreende a rèmuage, dégorgement, adição do licor de expedição, rolha, gaiola e rotulagem.

A antiga estação de trem foi totalmente reformada, com o cuidado de recuperar suas características originais quase na íntegra. O almoço servido no restaurante é no formato finger food. O cardápio inclui queijos, pães, patês, bruschetas, saladas e pratos quentes à vontade, todos em pequenas porções – o que é excelente, pois a apresentação é tão linda e o sabor tão gostoso a gente quer experimentar tudo. As sobremesas também são deliciosas, com destaque para as tortinhas banoffi e de limão. Fomos atendidos por filhos do Sr. Ari, que recebem os visitantes como quem acolhe amigos na própria casa. A esposa do Sr. Ari coordena a elaboração dos pratos.

Moqueca de camarão - uma das opções de pratos quentesMesa de finger food

SaladinhasSobremesas

A velha litorina – um carro-passageiro fabricado na Philadelphia-USA, na década de 60 – foi restaurada e serve como Vagão Gourmet, onde são servidos diversos tipos de chás, cafés, espumantes e chocolates quentes. Ao lado dela, uma cama elástica faz a alegria das crianças.

Litorina e pula-pulaInterior da litorina

A visita ao túnel é conduzida pelo próprio Sr. Ari, que faz questão de contar aos visitantes os detalhes dessa história e explicar de forma clara e didática os passos da elaboração e maturação do espumante. Um carrinho elétrico sobre trilhos conduz até 15 passageiros, num trajeto de 154 metros até o interior do túnel, onde as garrafas ficam maturando por, no mínimo, 2 anos, período em que o vinho espumante ganha complexidade. Ao final do passeio, há uma degustação de espumantes.

Descanso sob as árvoresVista de um dos quiosques

Se tudo isso não bastasse, é possível fazer diversas trilhas ecológicas pela propriedade, relaxar numa confortável poltrona sob um dos gazebos, fazer um piquenique, descansar numa rede, ler um livro. E quando eu achava que não podia ficar melhor, soube que, a partir desse sábado, será possível também fazer passeios panorâmicos de helicóptero.

Com tudo isso, não é surpresa que, embora tão recente, o empreendimento já tenha recebido diversas premiações e o reconhecimento do setor, antes mesmo de sua inauguração. Em setembro de 2012, no II Congresso Latino Americano de Enoturismo, Bento Gonçalves-RS, foi informalmente eleito “case inédito” do congresso. Em janeiro de 2013, a rede de televisão alemã SWR- TV produziu longo documentário sobre a Cave Colinas de Pedra, que foi ao ar para o público europeu em fevereiro de 2014. Em junho de 2013, o projeto recebeu pesquisadores da Chaire UNESCO Culture et Traditions du Vin, para realizar um trabalho, apresentado no início de outubro do mesmo ano, no Rencontres du Clos-Vougeot, na cidade de Dijon – França, importante evento da UNESCO. Em novembro de 2014, o projeto foi apresentado também no 37th World Congress of Vin and Wine, em Mendoza – Argentina. Em janeiro de 2015, a RPC TV (afiliada da Rede Globo no Paraná) produziu um documentário sobre o projeto em seu programa semanal “Meu Paraná”, levado ao ar no dia 10 de janeiro do mesmo ano, e posteriormente no canal Globo News.

Ari Portugal.
nós na escada
Marido e eu.

Eu fiquei encantada com o lugar e certamente voltarei em outras oportunidades. É um passeio excelente para um dia de sol, para aproveitar as belezas naturais ao ar livre, mas que funciona bem também nos dias nublados ou chuvosos, quando se pode curtir o almoço delicioso, acompanhado de um espumante de excelente qualidade, e ainda visitar o túnel.

É imprescindível fazer reserva com pelo menos 3 dias de antecedência, através do site, onde constam todas as informações necessárias: localização, valores, formas de contato. A Cave aceita cartões de crédito e débito.

O tremInterior da estação

Anúncios

O que aprendi com 100 dias felizes

No dia 28 de fevereiro desse ano, comecei o desafio 100 dias felizes: todos os dias postar em alguma rede social uma foto de algo que me faz feliz. Estava num momento meio complicado, e não queria dar destaque às coisas ruins. Como escrevi na legenda da minha primeira foto (com a minha mãe, que fez aniversário naquele dia), minha motivação para o projeto, então, era dar mais valor aos momentos de alegria. Aqui está a lista de coisas que aprendi ao cumprir o desafio.

Fotor060903947

1. Muitas das coisas boas que podem fazer você feliz já estão aí, você só precisa notá-las.

2. Ter a felicidade como objetivo pode ser a diferença entre mais um dia de tédio e um totalmente diferente.

3. Pessoas são sempre mais importantes que coisas.

4. Relaxar precisa ser uma prioridade na vida.

5. Ser feliz é mais simples do que parece.

6. As pessoas tendem a querer participar dos seus dias felizes, o que não acontece muito nos seus dias tristes.

7. Sua felicidade contagia muito mais gente do que você pode imaginar.

8. Comida e felicidade são coisas que andam juntas.

9. Surpreendentemente, atividades físicas realmente podem deixar você feliz.

10. Muitas vezes, a felicidade consiste em participar de momentos felizes de outras pessoas.

11. Estender a mão a quem precisa enche o coração de alegria.

12. A gratidão é um combustível da felicidade.

13. Engajar-se numa atividade espiritual faz bem à saúde.

14. É mais fácil ser feliz fazendo coisas diferentes do que repetindo o mesmo de sempre.

15. O ato-reflexo diante de um sorriso espontâneo e sincero é quase infalível.

16. A satisfação que coisas materiais trazem passa muito rápido, exceto se você usá-las para fazer outra pessoa feliz.

17. A certeza de um amor incondicional é garantia de felicidade (ou ainda: quem tem mãe, tem tudo).

18. Faz muito sentido amizade rimar com felicidade.

19. Prestigiar o sucesso alheio influencia você de uma forma positiva. Sentir inveja nunca vale a pena.

20. Para ser feliz, é preciso flexibilidade.

21. É mais fácil ser feliz em dias de sol.

22. Mas quando esfria é só buscar fontes alternativas de calor.

23. Tem algo de especial em fazer coisas boas com suas próprias mãos.

24. A música certa pode modificar totalmente seu humor.

25. Arte potencializa o que há de melhor em nós.

26. Para fazer o bem aos outros, é preciso fazer antes a si mesmo.

27. Risada de bebês causa alegria instantaneamente.

28. Ver quem você ama feliz é uma das coisas mais gostosas da vida.

29. É muito bom ter para onde voltar ao final de um dia cansativo.

30. E o melhor lugar do mundo continua sendo um abraço.

31. Entrar em contato com outras culturas é sempre incrível.

32. Nunca temos tanta gente em nossa vida que não valha a pena conhecer pessoas novas.

33. Ver pessoas lutarem pelo que acreditam é inspirador.

34. Um dos melhores efeitos colaterais de fazer coisas diferentes são as pessoas conhecidas no processo.

35. A presença de alguém especial transforma um momento qualquer num evento memorável.

36. Beber sozinho é triste, beber a dois é romance, beber em três ou mais é festa.

37. Quando esquecer como se faz para ser feliz sem motivo, apenas observe um cachorro.

38. A natureza oferece espetáculos gratuitos diariamente. Não perca.

39. O mar cura muita coisa.

40. Quem tem um bom livro nunca está sozinho.

41. Alguns tipos de alegria só se experimentam ao ar livre.

42. La felicità è un gelato.

43. Todo carinho que vai, volta.

44. Alegria dividida estranhamente se multiplica.

45. Às vezes você deve apenas confiar que o dia de amanhã será melhor.

46. Viajar é preciso.

47. Solidariedade contagia.

48. Não é feio reconhecer e valorizar as próprias conquistas.

49. Também existe algo reconfortante em manter uma rotina.

50. Aprender coisas novas alimenta o cérebro.

51. Às vezes é bom contar com a sorte.

52. Não desistir já é uma vitória.

53. Bom humor é mais gostoso do que a alternativa.

54. Manter uma dieta saudável faz bem à saúde e à autoestima. Mas não subestime o poder de uma confort food.

55. Ser feliz nos dias em que tudo dá certo é moleza, mas só os fortes conseguem rir e fazer sorrir nos dias ruins.

56. Celebrar os bons momentos intensifica a alegria. Não deixe datas especiais passarem em branco.

57. Avance sempre, mas não esqueça de onde veio.

58. Pessoas infelizes tentarão arrastar você para o fundo do poço. Se não puder tirá-las de lá, não afunde junto.

59. Não é necessário ter resposta para tudo.

60. Para dor nas costas ou na alma: massagem.

61. Nunca aceite que digam que você já comemorou demais o seu aniversário esse ano.

62. Quando pensar em começar uma frase com “no meu tempo…”, lembre-se de que seu tempo é agora.

63. A falta de companhia não é desculpa para deixar de fazer algo legal.

64. Aliás, se você for realmente legal, vai adorar estar na sua própria companhia.

65. Se você alimentar preconceitos em relação a determinados lugares, estilos de música ou pessoas, vai perder muitas oportunidades de se divertir.

66. Pessoas que não fazem nada podem ficar incomodadas ao ver você fazendo coisas legais.

67. Como tudo é uma questão de prática, quanto mais você aproveita a vida, mais fácil fica aproveitá-la.

68. Falta de tempo é uma desculpa esfarrapada que usamos para não aproveitar nosso tempo com o que nos faz feliz.

69. Você nunca está velho demais para brincar.

70. Sua cidade oferece mais opções de lazer do que você imagina. É só procurar.

71. Não importa o quanto você seja sensacional, algumas pessoas simplesmente não vão com a sua cara.

72. Invista sua energia em alianças construtivas em vez de desperdiçá-la em discussões infrutíferas.

73. Mas não se isole na proteção da sua tribo. Converse com pessoas com opinião oposta à sua. Não tente persuadir ou convencer, apenas saiba ouvir e se mostrar verdadeiramente interessado.

74. Se ninguém ou poucas pessoas fizeram algo até hoje, que isso sirva de incentivo para você estar entre os pioneiros.

75. Você tem o direito de ficar triste às vezes, mas isso não significa que você deva ser uma pessoa infeliz.

76. Existem muitas coisas que você só faz quando está viajando, e elas também podem ser feitas na sua cidade.

77. A criatividade e a imaginação não são talentos exclusivos de pessoas muito especiais – são habilidades que você também pode desenvolver.

78. É impossível evitar os problemas em todos os dias da sua vida. Mas é perfeitamente viável aprender a lidar com as dificuldades sem se abalar nem perder o otimismo. Isso é resiliência.

79. É muito importante descobrir e exercitar algo em que você seja realmente bom. O senso de realização é recompensador.

80. Não importa se você ainda não encontrou o sentido da sua vida. Mas é bom que você esteja interessado em saber qual é.

81. Relacionamentos venenosos podem sugar até mesmo a energia de pessoas muito equilibradas. Procure sempre estabelecer relacionamentos positivos e saudáveis.

82. Poucas coisas causam mais satisfação que o sentimento de fazer parte de algo maior. Vale a pena se engajar em grupos a serviço de uma causa ou uma ideia em que você acredite.

83. Não é para incentivar um complexo de Pollyanna, mas é mais saudável cultivar bons sentimentos do que emoções negativas.

84. Às vezes alguém só precisa desabafar, você não precisa necessariamente dar uma solução para o problema.

85. Por mais que você possa ficar longos períodos sem ver seus amigos e a amizade permaneça a mesma, você deve fazer um esforço para vê-los com mais frequência.

86. Muitas vezes, suas atitudes terão resultados positivos absolutamente inesperados.

87. Mesmo sem ter certeza alguma de um retorno, começar algo bom ainda vale mais a pena que não fazer nada.

88. Sua coragem aumenta muito quando você tem alguém por quem faria qualquer coisa.

89. A família é muito importante. Mas em momentos difíceis, você pode descobrir que família, de verdade, não tem necessariamente o seu sobrenome nem tem laços sanguíneos com você.

90. Muitas vezes a ajuda vem de onde menos se espera.

91. Na mesma medida em que algumas pessoas irão decepcionar você, outras irão surpreendê-lo positivamente se você permitir.

92. Cada um realmente só dá o que tem para dar.

93. Estar feliz com sua vida não quer dizer que não existe mais espaço para crescer e melhorar, mas apenas que você reconhece o que já conquistou até aqui.

94. Nunca ignore pedidos silenciosos de socorro.

95. Banho serve para higiene do corpo, para refletir sobre a vida e para ter ideias brilhantes.

96. A propósito, embora no banho seja difícil, sempre que possível anote suas ideias brilhantes o quanto antes. Elas tendem a desvanecer com facilidade.

97. Em alguns momentos você terá que escolher entre privilegiar a experiência ou a memória. Nem sempre será possível viver um momento intensamente feliz e ainda fotografá-lo para a posteridade.

98. Mas quando o registro não atrapalhar a experiência, faça-o. Cada vez menos você poderá confiar na sua própria memória.

99. É uma delícia concluir com sucesso um desafio a que você se propôs.

100. O amor sempre será a maior fonte de felicidade. ♥